Como é Formado e Extraído o Petróleo


Petróleo – Como é formado e extraído

O petróleo demora milhares de anos para ser formado. Essa formação acontece através da deposição de restos de animais e plantas mortos no fundo de lagos e mares. Aos poucos, esses restos foram cobertos por sedimentos, que se transformaram em rochas sedimentares. O empilhamento dessas camadas causou muito calor e alta pressão no fundo da Terra, o que gerou complexas reações, como a formação do petróleo.


Por ter sido formado dessa maneira, o petróleo é encontrado em cavidades profundas entre as camadas do subsolo. Por isso, quando o petróleo é extraído, geralmente vem acompanhado de água salgada, pois o local de onde ele foi retirado pode ter sido um mar no passado distante.

O petróleo é formado por átomos de carbono, hidrogênio e, na maioria das vezes, de enxofre. Entretanto, como o enxofre é responsável pelo mau cheiro dos produtos na queima de combustível e pelo mau funcionamento de motores, ele deve ser retirado em um processo de decantação.

Para a extração do petróleo, é preciso fazer um estudo profundo das localidades onde seja possível encontrar o chamado “ouro negro”. Para tanto, são necessárias as presenças de vários profissionais como paleontólogos, agrônomos, geógrafos e outros. Para tal estudo, são usados aviões sonda, satélites e terremotos artificiais para que o tipo de rocha seja identificado em cada região. Como foi descrito acima, o petróleo é encontrado onde há rochas sedimentares. Entretanto, para ter certeza de que existe petróleo no terreno, é necessário fazer perfurações no solo.

O sistema de extração é diferente para cada tipo de jazida. Se ela tiver a quantidade de gás suficiente, a própria pressão dele faz com que o óleo jorre pelo local perfurado. No entanto, se houver pressão fraca ou nula, são necessários modos artificiais para fazer a extração como bombas de extração. Infelizmente, mesmo com a utilização de tecnologia na extração do petróleo, 50% dele não pode ser retirado das jazidas, por serem muito profundas e irregulares.

Nesse sistema de bombeamento, é usado um motor elétrico que aciona uma caixa de engrenagens que, por sua vez, movimenta uma alavanca que empurra e puxa uma vareta polida para cima e para baixo. Tal vareta é fixada em uma vareta de sucção, que é fixada a uma bomba, que é forçada para cima e para baixo, criando uma sucção que puxa o petróleo para a superfície.

O petróleo é muito importante para os humanos, pois, além de servir como combustível para automóveis, aeronaves e navios, ele é a matéria-prima como o plástico. Por isso, temos que preservá-lo ao máximo, já que em alguns anos, todas as jazidas do mundo estarão esgotadas.

Gostou do post? Então cadastre-se e receba novidades!

Digite seu email:

Tem algo a dizer sobre isto? Então comenta!


WP Like Button Plugin by Free WordPress Templates